Notícias do Hospital Ministro Costa Cavalcanti

NOTÍCIAS

Julho Amarelo alerta população para prevenção de hepatites virais

 Julho Amarelo alerta população para prevenção de hepatites virais

02/07/2019

No mês de conscientização sobre as hepatites virais, o Itamed, Plano de Saúde do Hospital Ministro Costa Cavalcanti, lança a campanha Julho Amarelo. O objetivo é intensificar a prevenção e o controle das hepatites virais por meio de orientação à população, e realização de exames laboratoriais, ou ainda, por meio de teste rápido, disponível em laboratórios particulares.

A hepatite é a inflamação do fígado e pode ser causada por vírus (tipo A, B, C, D e E) ou pelo uso de alguns remédios, álcool e outras drogas, assim como por doenças autoimunes, metabólicas e genéticas, podendo levar à hepatite crônica, cirrose, câncer e causar a morte do paciente. "Por ser uma doença silenciosa, a pessoa só sabe se tem, se fizer o teste, e quando antes diagnosticada, o tratamento se torna mais efetivo", explica a enfermeira Sandra Mara Parra.

O cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, vômitos, dor abdominal, pele e olhos amarelados, urina escura e fezes claras, podem ser sinais de hepatite, então fique atento.

Mas como evitar a transmissão das hepatites virais?
- Usando preservativo em todas as relações sexuais;
- Exigindo materiais esterilizados ou descartáveis em estúdios de tatuagem e de piercings;
- Não compartilhando instrumentos de manicure e pedicure;
- Não usando lâminas de barbear ou de depilar de outras pessoas;
- Não compartilhando agulhas, seringas e equipamentos para drogas inaladas e pipadas, como o crack.

No mundo inteiro - A Campanha Julho Amarelo faz referência ao 28 de julho, data escolhida pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para a celebrar o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais. Este ano, por meio da Lei 13.802, foi instituído julho como mês para chamar atenção da luta contra às hepatites virais, reforçando as iniciativas de vigilância, prevenção e controle do agravo.

Hepatite em números - Segundo o Ministério da Saúde, milhões de pessoas no Brasil são portadoras do vírus das hepatites B e C e não sabem, correndo o risco de evoluírem para a doença crônica, cujas consequências mais graves são a ocorrência de cirrose ou câncer hepático. O Brasil registrou 40.198 casos novos de hepatites virais. O Boletim Epidemiológico 2018 informa que os casos da doença são maiores em homens de 20 a 39 anos.

Fonte: Assessoria de Comunicação - CS 90.19 / Débora Black Nascimento - Mtb 8585/PR

Localize notícias no campo abaixo:

LEIA MAIS NOTÍCIAS


Endereço Av. Gramado, 580 Vila "A" Foz do Iguaçu - PR
CEP 85860-460 | Telefone: (45) 3576-8000 / FAX: (45) 3576-8060

© Copyright 2010 - Todos os conteúdos apresentados neste website possuem direitos reservados ao HMCC e/ou terceiros que cederam seus direitos ao mesmo.